Cartão de Crédito: a importância da conciliação de cartões

De acordo com o portal Exame, o uso do cartão aumentou 108% em cinco anos, estimulado pela simplicidade em obter cartões de crédito/débito e pela facilidade em manuseá-los.

Se você vende com cartão, provavelmente deve se deparar com algumas dúvidas:
– Quanto eu tenho pra receber hoje? E nesse mês?
– Será que tudo que eu vendo efetivamente entra em minha conta? E quando?
– As taxas das operadoras, elas estão todas corretas?

A resposta para essas dúvidas: Faça a conciliação dos cartões!

Mas como fazer a conciliação dos cartões de crédito?
Primeiramente um software de gestão, como o Sistema Makito, que permita realizar esse controle, utilizando a tecnologia a seu favor, você vai garantir agilidade e confiança nas informações, sem trabalho operacional, colocando um fim nos processos manuais.

Etapas fundamentais na conciliação de cartões:

1 – Conciliação de vendas.
Muitas vezes, a compra do cliente foi aprovada, mas por algum erro, a operadora de cartão não registra a venda;

2 – Conciliação de recebimentos.
É fundamental para monitorar se todas as vendas serão recebidas.
Esse processo fica automatizado, quando sua operadora disponibiliza o arquivo de retorno que seu software de gestão irá processar.
Em casos de divergências de vendas, quando a operadora de cartão não registrou todas as vendas ou divergência nas taxas, o sistema de conciliação irá lhe informar do erro.

3 – Conciliação bancária.
A conciliação bancária mostra o que a operadora de cartão credita todos os dias em suas contas bancárias. Nesta etapa, é possível conferir se você recebeu todas aquelas vendas que foram conciliadas anteriormente.

Your Comment: